Homofobia Basta!

“Fui chamado de “homossexual incubado” é uma conspiração sodomita!” #HomofobiaNAO

Posted on: 20 de junho de 2011

A instituição,

Existe um senhor a qual se auto-denomina capitão da polícia militar do Rio de Janeiro, o mesmo diz se chamar Melquisedeque, mas prefere ser chamado de Capitão Melquisedeque, com um tom de superioridade. O mesmo vem ao Twitter de homossexuais, ativistas que defendem a causa chamá-los de sodomitas e  outras palavras com tom pejorativo Afirma em seus vídeos falar em nome dos Policiais Militares do Rio de Janeiro, mais especificamente aos cristãos, se posiciona contra o governo estadual, contra o salário, porém usa como justificativa a defesa da causa LGBT pelo Exmo. governador Sérgio Cabral o que faz o que é  o direito de todos, igualdade entre todos os cidadãos brasileiros sem preconceitos, como prevê a constituição. Pelo que conheço da Polícia Militar ela tem como compromisso proteger e criar um ambiente de paz e proteção a todos os cidadãos e não ir a redes sociais perseguir e segregar usando o rótulo “Capitão da PM”  um grupo, no caso os homossexuais, o mesmo citou o meu nome e de alguns colegas junto com versos contidos na Bíblia fora de seu real contexto, junto reivindicações próprias e exigências dentro de seu texto intitulado “”CAP PM DENUNCIA A CONSPIRAÇÃO SODOMITA”, O mesmo cita meu perfil do Twitter e ele me coloca junto a classe dos psicólogos, profissão a qual eu não pertenço e nunca afirmei pertencer, sou psicanalista dentro dos critérios estabelecidos pelo Ministério do Trabalho, na CBO 2515-50. O mesmo também diz que quando o chamei de “homossexual incubado” deu a parecer que falei como psicanalista, porém não é real, é falácia e injúria, visto que não exerço minha profissão por redes sociais, o que eu sou ou o que outras pessoas são em vida profissional, independe de suas opiniões a respeito de alguém em sua concepção como cidadão, uma coisa em nada interfere na outra. Portando, estou entrando com uma ação judicial contra a Policia Militar do Rio de Janeiro, visto que, o policial como capitão gosta sempre de falar como “Capitão da PM” e não como Melquisedeque para ver se essa conduta preconceituosa  realmente provém da Policia Militar  e se de fato proceder a justiça tomará a punição cabível e contra o indivíduo Capitão Melquisedeque por conduta preconceituosa, incentivo a homofobia na internet, além de denunciar o seu blog a delegacia de Crimes virtuais e a Secretaria de Direitos humanos e também a Delegacia Regional a qual tomará as devidas provisões, aguardo portando a resposta da instituição.  

Felipe Resende,

________

Com base neste post eu fiz a denúncia e encaminhei a corregedoria da PMRJ.

CAP PM DENUNCIA A CONSPIRAÇÃO SODOMITA

A conspiração sodomita está baseada em um documento secreto denominado ” Anais dos sábios do Arco-iris” que tem a finalidade de transformar o planeta em uma Sodoma Global. Muito significativo este plano,pois está de acordo com o que está escrito na Bíblia: Jesus disse que “como foi nos dias de Sodoma,assim será também nos dias da Vinda do Filho do Homem”. Em Daniel está escrito que o Anticristo “não terá respeito ao amor das mulheres”,ou seja, essa figura malígna será um sodomita,liderando a humanidade rebelde e blasfemadora contra Deus e Jesus Cristo na Batalha do Armagedom. Na imagem acima,o sodomitaAspenBH  deixa claro como eles são blasfemadores e não respeitam qualquer religião,mesmo assim têm o apoio de toda a imprensa,já controlada pela Conspiração Sodomita.
Os Sodomitas se infiltraram em três áreas que consideram fundameitais: A imprensa,a Justiça e a Psicologia. A Imagem acima é de um sodomita psicanalista,TerapeutaFelipe,observem bem o modus operandi deles: qualquer um que os critica,eles coordenadamente o identificam e procuram em conjunto destruí-lo. Esse RT é uma ordem de todos os sodomitas irem fazer comentários contra seu desafeto,para parecer que toda a sociedade é contra aquele que os critica,denunciando também na internet seu desafeto como homofóbico,preconceituoso e outras coisas mais para conseguirem apagar o Twitter,Facebook ou blog que  estiver atrapalhando o sodomita plano de dominação global.
Na imagem acima,pode-se ver o ódio dos sodomitas contra o Cristianismo.Essa história de que eles respeitam as religiões é mentira. Os conspiradores sodomitas estão em todos os órgãos de imprensa,estampando manchetes contra qualquer um que ouse denunciá-los,alem de enaltecer a cultura sodomita. As Paradas Gay são apresentadas pela imprensa como algo positivo,moderno e revolucionário,isso porque os sodomitas controlam a imprensa.
Como dissemos anteriormente, a área da psicologia está fortemente infiltrada pelos sodomitas que passaram a doutrinar a questão sexual de acordo com o que lhes é conveniente,de forma totalmente contrária ao cristianismo.
A área que os sodomitas estão mais focados agora é a jurídica. Basta fazer uma pesquisa nas faculdades de Direito e se poderá observar quantos sodomitas se preparam para serem Promotores,Delegados,Juízes e advogados,isso não é por acaso, está dentro do programa “Sodoma Global”. Os héteros serão presos,denunciados e condenados por sodomitas!
Os sodomitas são extremamente preconceituosos,conforme festimadarevela na imagem acima.Pregam contra a discriminação,mais são grandemente discriminadores.
Os Sodomitas odeiam a Bíblia,conforme se pode observar acima. Recentemente o Governador Sérgio Cabral Filho,em uma entrevista ao Vivo,manifestou seu ódio à Bíblia,chamando os que a seguem de fundamentalistas,de forma a macular a imagem dos seguidores do livro sagrado.
As blasfêmias acima, do sodomita AndreV_, não podem servir de pretexto para Cristãos agredirem fisicamente a qualquer dos sodomitas,pois Jesus Cristo nos proibiu de fazer justiça própria. Ele mesmo executará a vingança,no Dia do Senhor,conforme diz a Bíblia.
A ira de Deus contra o Rio de janeiro é grande,preparem-se para grandes calamidades “naturais”!
“Ouvi a Palavra do SENHOR,vós príncipes de Sodoma,prestai atenção à Lei do Nosso Deus,ó povo de Gomorra” – Isaías,Cap 1″

 ________________________

Além de demonstrar total desconhecimento teológico, o mesmo usa o nome da PM e fala em nome da PM, então eu abri um processo requerendo explicações sobre essas atitudes homofóbicas de tal policial militar.

Além do mais para quem não o conhece e acha que ele é cristão, se engana, pois o mesmo é adepto das Profecias Mayas sobre o fim do mundo, ele é conhecido por perseguir homossexuais chamando-os de Sodomitas e Falando que “Nibiru esta chegando”

Para quem não sabe, Nibiru é uma correlação a profecia Maya sobre o fim do mundo em 2012, ou seja,este indivíduo é adepto do paganismo ( nada contra, mas é incompatível com o cristianismo ). Visto que.

1 – Ninguém saberá quando será o fim, Deus não deixou dia, mês ou ano, isso contraria as Sagradas Escrituras.

Porque vós mesmos sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como o ladrão de noite;1 Tessalonicenses 5:2

2 – Ao se adaptar as profecias pagãs o mesmo pratica idolatria, visto que idolatria é adoração, credibilidade, divisão de glória a outras coisas que não seja somente a Deus!

Portanto, meus amados, fugi da idolatria.1 Coríntios 10:14

3 – Ao buscar outras profecias, o mesmo demonstra descrédito com a Bíblia visto que os apóstolos e Jesus afirmam que ela é suficiente para tudo! Sola Scriptura

2 Pedro 1.3,4: Seu divino poder nos deu tudo de que necessitamos para a vida e para a piedade, por meio do pleno conhecimento daquele que nos chamou para a sua própria glória e virtude. Dessa maneira, ele nos deu as suas grandiosas e preciosas promessas, para que por elas vocês se tornassem participantes da natureza divina e fugisse da corrupção que há no mundo, causada pela cobiça.

4 – Se ele procura estabelecer sua filosofia e embasar um outro evangelho, não é um real cristão!

Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema [ maldito ] .Gálatas 1:8

____________________________________________________________________

A respeito da sua desconhecida pseudo-teologia.

Quando ele fala que o anti-cristo não irá gostar de mulher, é um absurdo, ainda mais citando a Bíblia, quando a Bíblia fala de mulher em contexto do apocalipse ela se refere a Igreja e não a gênero feminino ( conf Ap 17.3 e 9 ), falar isso vai contra a própria lógica do mesmo! Então este “anti-cristo” dele irá ser homossexual ( sodomita em sua concepção ), porém irá repudiar lésbicas? Elas são do gênero feminino só gostam do mesmo sexo e os Transexuais como ficam nesse seu apocalipse?

O Anticristo será um líder que busca a paz e trava guerras. Na busca de paz ele será bem-sucedido e enganador; ao travar guerras ele será destemido e destrutivo. O Anticristo geralmente é descrito na Bíblia como um guerreiro. Suas atividades são resumidas em Daniel 9.27:

“Ele fará firme aliança com muitos, por uma semana; na metade da semana, fará cessar o sacrifício e a oferta de manjares; sobre a asa das abominações virá o assolador, até que a destruição, que está determinada, se derrame sobre ele.”

Em Apocalipse 6.2, João apresenta o Anticristo ao escrever: “Vi, então, e eis um cavalo branco e o seu cavaleiro com um arco; e foi-lhe dada uma coroa; e ele saiu vencendo e para vencer.”

Nosso mundo precisa desesperadamente de paz, pessoas sinceras de vários contextos de vida trabalham e oram diariamente por uma paz duradoura. Na verdade, como crentes, somos incentivados pela Bíblia a orar por paz. Ainda assim, a instabilidade política é profunda em muitas regiões do mundo. A busca de uma paz permanente no Oriente Médio exige muita atenção e produz muitas manchetes; muitas vidas e carreiras foram sacrificadas na tentativa de trazer paz à região. Em última análise, no entanto, não haverá paz duradoura no mundo enquanto ele não for governado por Jesus Cristo, o Príncipe da Paz.

Quando o Anticristo emergir, será reconhecido e aceito por causa de sua habilidade como pacificador. Como líder da confederação multinacional, ele imporá paz a Israel e ao Oriente Médio, iniciando e formulando um tratado de paz para Israel. O Dr. Walvoord escreve sobre essa paz:

Quando um gentio, líder de dez nações, apresentar um tratado de paz a Israel, este será imposto com força superior e não como um tratado de paz negociado, ainda que aparentemente inclua os elementos necessários para tal acordo. Ele incluirá a delimitação das fronteiras de Israel, o estabelecimento de relações comerciais com seus vizinhos – algo que Israel não tem atualmente, e, principalmente, oferecerá proteção contra ataques externos, o que permitirá que Israel relaxe seu estado de constante alerta militar. Também é possível prever que algumas tentativas serão feitas para abrir áreas sagradas de Jerusalém para todas as religiões a elas relacionadas.[1]

No decorrer dos séculos, cristãos e judeus fiéis seguiram a exortação de Salmo 122.6 de “orar pela paz de Jerusalém.” Mas a falsa paz do Anticristo não é a “paz de Jerusalém.” O tratado ou aliança de paz do Anticristo só trará uma paz temporária e superficial à região. A princípio ela poderá ser eficaz e reconfortante, mas não durará. Depois de três anos e meio ela será quebrada e os gritos de alegria serão substituídos por gritos de aflição. Como todas as obras de Satanás, a vitória proclamada acabará em dor e violência:

Apesar dos detalhes da aliança não serem revelados na Bíblia, aparentemente ela trará grande alívio para Israel e para todo o mundo. O tempo de paz é previsto nas profecias de Ezequiel que descrevem Israel como um povo “em repouso, que vive seguro”nessa época (Ez 38.11). Em 1 Tessalonicenses 5.3 a frase que estará na boca do povo antes da Grande Tribulação cair sobre eles é: “Paz e segurança.” …A paz de que Israel desfrutará por três anos e meio se transformará tragicamente numa paz falsa e no prelúdio de um tempo de angústia incomparável, quando dois de cada três israelitas morrerão na terra (Zacarias 13.8).[2]

Num determinado ponto, por volta da metade da Tribulação, a paz de Israel será desafiada por exércitos invasores do norte (Ezequiel 38-39). Esses exércitos atacarão Israel, desafiando a paz estabelecida pelo Anticristo e sua autoridade. Mas Deus intervirá a favor de Israel, protegendo-o e aniquilando os exércitos invasores (Ezequiel 38.19-39.5). Isso se realizará em parte por um terremoto (38.19,20), em parte por confusão militar (38.21), e por uma praga acompanhada de granizo e fogo (38.22).

Depois desse conflito e da quebra da aliança com Israel, o Anticristo se declarará líder mundial. Isso poderá ser resultado da sua vitória sobre os exércitos invasores. O Dr. Walvoord escreve que “o líder da confederação de dez nações se encontrará numa posição em que poderá proclamar-se ditador mundial, e aparentemente ninguém será forte o suficiente para lutar contra ele. Sem ter que lutar para conseguir isso, ele governará o mundo como instrumento de Satanás.”[3] Seu poder e força aumentarão, assim como sua tirania, e isso resultará num desafio final da sua força militar e política, que culminará na batalha de Armagedom (Apocalipse 16.14-16). Como tantos líderes e governantes antes dele, o Anticristo prometerá paz e travará guerras. Ele entrará num conflito de conseqüências globais – um conflito definitivo do tipo “quem ganhar fica com tudo” – e será derrotado e destruído por Jesus Cristo (veja Salmo 2). (Thomas Ice e Timothy Demy – http://www.chamada.com.br)

____________________________________________________

E a respeito da sua concepção de Sodomia, leia e reveja seus conceitos! 

Certamente você já leu ou ouviu a palavra sodomita. Tal palavra é um dos inúmeros adjetivos que os homossexuais são chamados, principalmente pelos religiosos.

 Desde que iniciei esta coluna no “A Capa“, recebo muitos, muitos e-mails de todos os lugares do Brasil e até de LGBTs brasileiros que residem no exterior. Um deles chegou há alguns dias e o rapaz que o assinava pedia minha ajuda: ele precisava entender o que se passava naquele momento com ele, pois tinha sido excluído de sua igreja por ser “sodomita”. No e-mail, ele me pede explicações em relação à teologia inclusiva: “não creio que Deus me ame, pois sou um sodomita e você, reverendo, diz que Deus me ama e que podemos ser gays e cristãos! Me prove isso, pois quero tirar minha vida, não consigo viver sem Deus, sem a igreja, mas também não consigo deixar de ser um sodomita”. Por razões que não preciso explicar, omito o nome do moço que, desesperado, me escreveu. Esta é a minha resposta para ele.

A palavra sodomita entrou para o vocabulário eclesiástico como sinônimo de homossexualidade no século XIII, na Idade Média. De adjetivo pátrio – sodomita era o indivíduo nascido na cidade de Sodoma (e Gomorra, na verdade uma região composta por cinco cidades, uma “pentápolis”) – sodomita passou, então, a caracterizar os homens (sim, a palavra não é, ainda hoje, empregada às mulheres homossexuais) que mantinham relações sexuais com homens.

A “ideia” de chamar homens homossexuais de “sodomitas” foi retirada de um texto bíblico muito conhecido e até hoje usado pelos fundamentalistas religiosos como “prova” que a homossexualidade é uma abominação para Deus, pois, segundo eles, Sodoma e Gomorra foram destruídas com fogo e enxofre por conta do pecado da homossexualidade. Isso é verdadeiro?

O texto bíblico que nos relata a história de Sodoma e Gomorra encontra-se no primeiro livro da Bíblia, chamado Gênesis, pois suas primeiras palavras relatam, em chave teológica, a origem de todas as coisas. No capítulo 19 deste livro, que você pode ler aqui, tomamos conhecimento que Lot, sobrinho de Abraão que residia em Sodoma, recebeu a vista de “dois anjos disfarçados” de humanos. Tais anjos vinham de uma vista ao seu tio, que os recebeu de maneira hospitaleira.

Diz o texto que os anjos chegaram tarde a Sodoma. Lot encontrou-se com eles à porta da cidade e os convidou para passar a noite em sua casa. Os anjos recusaram o convite e disseram que passariam a noite na praça da cidade. Lot insistiu com eles, pois era perigoso dois forasteiros passarem a noite em local público numa cidade desconhecida. Eles acabaram aceitando o convite e se abrigaram na casa de Lot.

Somos informados, então, que depois de se lavarem e comerem, a casa de Lot foi rodeada pelos habitantes da cidade de Sodoma, “desde o mais moço até o mais velho”, o povo inteiro sem exceção. Disseram a Lot: “Onde estão os homens que vieram à tua casa esta noite? Faze-os sair para nós, para que os conheçamos”. Lot rogou que deixassem seus hóspedes em paz, que não lhes fizessem mal algum e ofereceu-lhes as filhas, “que não conheceram homem, posso fazê-las sair para vós; façais com elas o que vos parecer bom. Mas não façais nada a estes homens, que vieram à sombra do meu teto”.

Os homens de Sodoma enfrentaram Lot e já iam arrombando a porta quando os anjos “os cegaram” e, trazendo Lot para dentro de casa, fecharam a porta. Rogaram os anjos a Lot que saísse com sua família dali, pois a ordem que eles tinham da parte de Deus era para destruir a cidade e seus habitantes, “pois é grande diante do Senhor o clamor que ela provoca”. E assim aconteceu. Sodoma e Gomorra foram destruídas pelo fogo e enxofre que “desciam do céu”.
Uma das “regras de ouro” que aplicamos quando estudamos textos bíblicos diz que “texto fora de contexto é pretexto” e é verdade! O texto de Gênesis 19 é usado ainda hoje como pretexto pela ala fundamentalista do cristianismo para condenarem homossexuais, excluí-los, chamando-os sodomitas. Uma análise profunda do texto e do contexto nos prova que o pecado de Sodoma não era a homossexualidade e que chamar homossexuais de sodomita é erro crasso e desonestidade intelectual.

Em primeiro lugar, o contexto nos informa que antes mesmo de Lot habitar Sodoma, os habitantes desta cidade eram conhecidos por serem criminosos, portanto, pecadores diante de Deus (Gn 13.13). Portanto, Deus não destruiu a cidade por aquele episódio somente. Sodoma era “pecadora e criminosa” antes mesmo de ser visitada pelos anjos disfarçados de humanos. Em segundo lugar, vale observar um pormenor: o verbo empregado pelo autor (ou autores) do relato e traduzido para o português como “conhecer” (“yadhta”, no original), aparece 943 vezes nas Escrituras Hebraicas (“Antigo” Testamento), mas somente dez vezes tem a conotação sexual.

Sabemos não apenas pelos relatos bíblicos e extra-bíblicos que guerras entre cidades eram comuns na Antiguidade. Espiões eram enviados para sondarem a terra, as fortificações, enfim, a defesa das cidades. Forasteiros eram vistos com muita desconfiança pelos habitantes locais e se suas atitudes fossem suspeitas, tais espiões eram “dominados” pelos da terra e era comum o estupro como forma de humilhação e subjugo. Lembremos que Lot habitava recentemente em Sodoma quando ocorreu este episódio e que tais homens eram desconhecidos dos habitantes. O fato de dois forasteiros se abrigarem sob o teto de outra família forasteira, gerou suspeição.

Em terceiro lugar, prestemos atenção à atitude de Lot, que ofereceu suas filhas para que os habitantes as estuprassem ao invés de fazerem “mal” aos seus hóspedes! A Bíblia Tradução Ecumênica (TEB) traz a seguinte nota de rodapé em relação ao texto: “O autor enfatiza a conduta dos habitantes de Sodoma para com os hóspedes, contrária à hospitalidade de Abraão”. A Bíblia Anotada “New Oxford” afirma: “… a questão principal aqui é a hospitalidade aos visitantes divinos. Nesta passagem a sacralidade da hospitalidade é ameaçada pelos homens da cidade que queriam violentar (conhecer, yadhta) os hóspedes”. Naquela época, a “Lei da Hospitalidade” era sagrada, pois muitos eram os nômades, os viajantes, os comerciantes etc. Num contexto onde usavam espiãos para relatórios sobre o terreno, a fim de saque, era preciso proteger os que sem nenhuma má intenção passavam pelas cidades.

Contudo, pode ser que pelo uso milenar do texto pelos líderes religiosos como exemplo cabal da condenação divina aos homossexuais e à prática homossexual, você ainda não está certo de que o pecado de Sodoma não tem nada a ver com homossexualidade. Será mesmo que o verdadeiro pecado foi o desrespeito à Lei da Hospitalidade? Jesus tinha certeza que sim! Em dois textos dos Evangelhos (Mateus 10.15 e Lucas 10.12) Jesus usa Sodoma e Gomorra como exemplos de cidades pecaminosas, ou seja, não hospitaleiras quando Ele enviou seus discípulos para a missão, dando ordem de sacudirem o pó das cidades que não os recebessem.

Mas está no livro do profeta Ezequiel a prova cabal de que o pecado de Sodoma e Gomorra não foi o sexo entre homens (aliás, em todo o relato, não encontramos intercurso sexual, mas somente a intenção de estupro, conforme vimos). Diz Ezequiel contra Jerusalém, tomando como exemplo a cidade de Sodoma: “Eis que esta foi a iniquidade.

______________________________________
E Vou repetir o que no Blog do mesmo coloquei.

O seu incubado, eu sou Psicanalista, mas sou cidadão e posto como eu quero, meu perfil não é disposto a dar consultas ou parecer psicológicos em Twitter, até porque isso é proibido, então não venha querer falar besteiras. Post aqui os seus comentários chamando os outros de Sodomitas, Pederastas, Pedófilos, porque não coloca isto? Você Cristão? Porque não fala de seus delírios “Nibirúticos?” Ou tem medo de os falar aqui porque a Bíblia condena essa sua esoteria doentia? Dedica os eu tempo a ficar procurando homossexuais no Twitter? A ficar falando de Homossexuais no Twitter? Não tem vergonha? Eu lhe chamo de Homossexual incubado com plena certeza e com base pra isso.
Nietzsche diz que: “Aquilo que muito afirmamos e procuramos no outro é o que queremos esconder em nós mesmos”
Freud: “Aquilo a qual perseguimos ou criticamos com veemência é o que queremos ser mais não conseguimos expor”….
Por favor, vá procurar o que fazer!
Se eu for aqui ficar catalogando as besteiras que você fala, no mínimo eu vou manchar o nome da PM do RJ, mas já que você fez tanta questão, irei conversar conversar com meu Advogado sobre o seu caso, visto que você posta e fala não como Melquisedeque e sim como Capitão Melquisequete, mostrando a sua homofobia, a sua linguagem depreciativa a homossexuais, quero ver se a instituição militar concorda com a sua posição e se você fala por ela! Eu não te ofendi, te chamar de homossexual ou “passivão” não é ofensa, ser homossexual é não é um desvio, ser passivo muito menos, não falei como psicanalista, falei como conhecedor da psicanálise, aprenda a diferenciar as coisas!

Se sentiu ofendido com isso? Acha este comportamento inadequado para um policial? Denuncie para a corregedoria da PMRJ.

denuncia@cintpm.rj.gov.br

ccrim@cintpm.rj.gov.br 

Obs: De fato o que escrevi foi “desagradável”, pelo tom expressivo, não pelo conteúdo, visto que ser homossexual não é nada depreciativo!

De resto, o Bule Voador recomenda o vídeo.

1 Response to "“Fui chamado de “homossexual incubado” é uma conspiração sodomita!” #HomofobiaNAO"

sem comentários…
o vídeo está ótimo

e esse Capitão bem que podia ganhar gratuitamente uma temporada em uma clinica de repouso (se é que me entendem) junto com os outros deputados com mesmo discurso…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O Autor

Ativista dos Direitos Humanos (Principalmente LGBTs ); Teólogo;Homeopata; Psicanalista, especialista em Sexualidade Humana, Filosofia, Sociologia;Blogueiro.

Este Blog é protegido por direitos autorais

MyFreeCopyright.com Registered & Protected

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 69 outros seguidores

Psicoterapia Online

Psicoterapia Online

Psicoterapia Online

homofobia-basta@live.com

Me adicione no FacebooK

Curta a comunidade do Blog no Facebook, Clique na Imagem!

Me adicione no Orkut

Me siga no Twitter

Homofobia Basta!

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Quer ajudar o Blog? Faça sua Doação!

Portal Colaborativo Teia Livre

Igreja Progressista de Cristo

Parceiros de causa

Se você realmente ama seus amigos, defenda-os da Homofobia!

Contradições no discurso do Senador Magno Malta

Vítimas da Homofobia

Mais fotos

Estatísticas do Blog

  • 439,351 Pessoas viram esse Blog
%d blogueiros gostam disto: