Homofobia Basta!

“Evangélicos” agem de forma desumana e declaram “GUERRA” a “diferentes”!

Posted on: 13 de junho de 2011

“Atos dizem mais do que palavra” já diz o popular ditado que cai como uma bela fantasia de bom moço sobre os abutres religiosos que estão a segregar nossa sociedade! 

 Bom, ao ler o Blog da amiga Rita Colaço ( http://comerdematula.blogspot.com/ ) em seu post denominado: “A Guerra Santa dos Neopentecostais”, eu fiquei pasmo com o que vi diante de mim! Sei que a Xenofobia, Racismo, descriminação por religião não acabou, mas não sabia que ela era ainda tão absurda… Eu vim da Igreja no intuito de postar um Post sobre um comentário que uma amiga do Twitter ( Neusa Thompson ) havia comentado sobre a possibilidade de acionar a corte internacional sobre a perseguição religiosa que o Brasil esta sofrendo e fiz o post, fiz a enquete e tudo… porém em CAPSLOCK  de emergência a Rita me aciona antes que acionem a corte e eu tive que postar… Bom, não vou nem desejar boa leitura, porque a notícia não é nada boa, porém, tem que ler, se não a coisa complica mais ainda! Já adianto, prepare seu e-mail, lembre-se do deputado e do senador que você elegeu! Um absurdo, estamos prestes a viver uma nova “santa” inquisição… 

Sou do Rio de Janeiro, moro em Nova Iguaçu, umas das cidades mais evangélicas do estado, aqui temos um dos “points” de “terapia de reversão” de orientação sexual situado na Assembléia de Deus que ainda fabrica “pseudo-terapeutas” em seus cursos livres de psicanálise! Lembrando que a mulher sensurado por prometer cura da homossexualidade mora aqui na cidade! Daqui também brota o excesso religioso, por exemplo um dos ícones pentecostais “Cassiane”, também o “Ministério Apascentar” uma das igrejas Neo-Petencostais que mais cresce no Brasil e é muito famosa por suas músicas, sem falar na enorme quantidade de igrejas! Aqui há diversos casos de ataques homofóbicos, aqui se situa uma das Igrejas Cristãs Contêmporaneas, uma das igrejas inclusivas do Brasil, já socorri dentro da própria igreja um rapaz jorrando sangue que foi agredido indo para a igreja e foi levado para o hospital com fraturas, o caso foi levado a polícia que fez retrato falado e por isso mesmo ficou! A tensão está redobrada! Os cultos evangélicos estão se usando de técnicas de chantagens para atrair outros grupos como os bombeiros, prova disso foi o nome de “JESUS” no pátio pouco antes da soltura dos mesmos, agora nas igrejas há cartazes: “Bombeiros, estamos na luta com vocês, Ministério fulano de tal”

 

Amigos que nem homossexuais são me mostraram absurdos que eu mesmo cristão que sou e não acreditando  mas sempre respeitando a quem pensa de outra forma e é de outra religião, fiquei abismado!

 

Eu nasci em um País em maioria católico, entendo a evolução, respeito a evolução pacífica, os católicos diminuiriam em número pelo crescimento de religiões mais liberais incluindo ai o protestantismo seguido do espiritismo, islamismo, religiões de raízes africanas e outras, mas tudo isso também provém do desenvolvimento do pensamento social e da ciência, a psicologia evoluiu, a psicanálise, a medicina, e biologia, provamos que a homossexualidade tem pré-disposição genética e logo é desumano segregar pessoas por algo que elas nem escolheram, é como segregar alguém por sua cor, criamos métodos de prevenção de DSTs mais sofisticados que o “sexo depois do casamento” , como vacinas e o preservativo feminino, desenvolvemos uma linha de tratamento psicológico para a população que se sentia estigmatizada pela religião, pelo tabu, pelos dogmas, pela tradição e se isso quer dizer que a ciência Psi. é contra o Cristianismo Fundamentalista, que assim seja, não vamos doar a mente sã de pessoas a abitolação religiosa que só causa traumas e chantagens emocionais em um medo infundado aonde Deus castiga aquele que não dá dízimo e aonde aquele QUE EMPREGA O QUE NÃO DÁ DÍZIMO TAMBÉM É CASTIGADO, ISSO MESMO! VEJA A LEI EM PORTO VELHO! 

 

Máfia da fé – Dízimo descontado em folha!

Uma rede de lojas de eletrodomésticos de Porto Velho, Rondônia, só contrata funcionários que sejam evangélicos e do salário deles desconta 10% do dízimo para, segundo ela, uma igreja da cidade. A informação é do Estadão do Norte, que não publicou o nome da rede nem o da igreja.De acordo com trabalhadores ouvidos pelo jornal, as lojas da rede não contratam católicos, e os evangélicos têm de concordar com o desconto do dízimo em folha de pagamento, se quiserem manter o emprego.

Um trabalhador disse que uma das primeiras perguntas feitas na entrevista de contratação é sobre a religião do candidato. “Essa pergunta se tornou frequente nos últimos meses”.

Ele afirmou que, embora tenha bom currículo, deixou de ser contratado em duas lojas por ser católico.

Trabalhadores desempregados confirmaram a denúncia. “Eles [gerentes de loja]nos chamam pelo currículo e na hora da entrevista esquecem a experiência. Eu posso ser melhor que o outro candidato, mas, por ser católico, não consigo emprego”, disse um deles.

Um funcionário de uma loja teria admitido a um candidato que não poderia contratá-lo porque a orientação da rede é para que sejam admitidos somente evangélicos.

Um desempregado afirmou que os empresários evangélicos estão, aos poucos, dominando o comércio de Porto Velho, e ele teme que a discriminação contra os trabalhadores católicos aumente. (Click na imagem, para ler a reportagem

 
____________________________________________________________________________________________________
Não duvido muito, teremos algo um pouco parecido com isso.
Não duvido muito, teremos algo um pouco parecido com isso.
 
 
É UM ABSURDO! Estão matando a auto-estima de homossexuais, de pessoas de outras religiões, estão suprimindo os direitos e a dignidade deles, estão criando uma nova inquisição! Isso é inadmissível! Lembrem-se que quando Adolf Hitler começou a praticar a sua jornada libertária promovendo o “bem-estar da sociedade” ele começou com bons argumentos, em prol do bem da sociedade, mostrando as “falhas” dos outros, e no final tivemos doentes mentais lobotomizados, deficientes físicos que não responderam bem aos “testes” jogados na vala, Judeus que não se submeteram a vontade “Ariana” massacrados  Testemunhas de Jeová, eslavos, poloneses, ciganos, homossexuais, deficientes físicos e mentais, e judeus – foram perseguidos no que se tornou conhecido como Holocausto. A maioria dos historiadores admite que a maior parte dos perseguidos foi submetida a Solução Final, enquanto certos seres humanos foram usados em experimentos médicos ou militares. E Hitler se mostrava em mente sã quando tomava suas decisões e submetia médicos psiquiatras, neurologistas, gastrologistas, cirurgiões a cometerem barbaridades, após anos de sua morte uma equipe de Psicólogos, Psicanalistas e Psiquiatras vieram a analisar seu comportamento e observaram que ele sofria de delírios psicóticos, ele era um psicopata, porém psicopatas não demonstram ser e escondem-se muito bem como “bons” moços! 
 ____________________________________________________________________________________________________
 
 
Agora além de uma Lei do Dízimo induzida obviamente por pastores eu tenho estas notícias:
Fim de Feriados Católicos
O Projeto prevê o fim de alguns feriados como a de Nossa Senhora Aparecida, Corpus Christi e outros feriados em algumas cidades de maioria evangélica como em Campos dos Goytacazes Prefeita Rosinha acaba com feriado de Nossa Senhora da Conceição. 
 
____________________________________________________________________________________________________
 
Ensino Religioso Confessional
Quando os governadores do Estado do Rio de Janeiro eram evangélicos (Garotinho e Rosinha)  entre os anos de 1999-2006 foi instituído o ensino religioso confessional no Estado do Rio de Janeiro, onde ficou instituido que alunos teriam aulas de religião dividas por credo, (Leia aqui entrevista com Deputado autor da lei). Alunos com tal lei passaram a estudar o manual de boa conduta chamado de bíblia nas escolas públicas e laicas do Estado, além de serem obrigadas a estudar a teoria criacionista, indepedente se serem cristãs ou não. Esta proposta é uma das principais reivindicações de Pastores e lideranças políticas evangélicas no Brasil, volta e meia elas voltam nas assembléias legislativas e câmaras municipais.
____________________________________________________________________________________________________
 
Rede Record proibe exibição de personagens LGBTs em sua programação humorística
O que é isto? Vão proiber que apareçam negros, católicos, judeus, budistas e mulheres de cabelos curtos também? A Record não é voltava ao público evangélico como se pensa não, ela é “laica” como mesmo diz, só tem como dono um evangélico! É um absurdo, é segregar classes!
 
____________________________________________________________________________________________________
 
O manual de boa conduta – Bíblia Sagrada
Para introduzir suas crendices em toda a população brasileira pretendem tornar a Bíblia o livro referência como manual de boa conduta. A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou há pouco o Projeto de Lei 2865/08 , do deputado Filipe Pereira (PSC-RJ), que determina que as bibliotecas públicas tenham em seu acervo pelo menos uma Bíblia. O projeto foi aprovado em caráter conclusivo e seguirá para o Senado. Clique aqui.
 
Ok, concordo que tenha a Bíblia, mas que também tenha o Evangelho segundo Allan Kardec, a Torah, Livros Budistas, Livros Holísticos e Esotéricos, Livros que inspirem a evolução da filosofia e da evolução mental sem religiosidade, no caso, livros ATEUS! Sim, porque pra ser consciente, inteligente, respeitados, sociável, evoluido, não precisa ser espírita, católico, evangélico, budista, pode ser ATEU! SIM! FREUD ERA ATEU! ALGUÉM O CHAMOU DE BURRO AQUI?!  ACHO QUE NÃO ELE SÓ CONTRIBUIU PRA SOCIOLOGIA, PSICOLOGIA, PSIQUIATRIA, SEXOLOGIA, NEUROLOGIA, ANTROPOLOGIA, FILOSOFIA…
E se querem catálogar a Bíblia como Manual então vamos lá!
 
De fato essa lei aproveitou a confusão e a estigmatização dos homossexuais para ser aprovavada, sobre o chavão bíblico de levítico que deixa claro como água a abominação “homossexual” .
  
Obrigado por ter feito tanto para educar as pessoas no que diz respeito à Lei de Deus. Eu tenho aprendido muito com a Bíblia e tento compartilhar o conhecimento com tantas pessoas quantas posso, agora com essa lei que incentiva as crianças a lerem a bíblia a começar pelos primeiros livros que dentre eles estão os da lei que são os de Levítico, Exôdo, Números, vai ser muito bom! Todos irão andar no caminho do senhor e tudo ficará uma paz! Quem não andar será castigado como diz o manual de conduta!
Quando alguém tenta defender a homossexualidade, por exemplo, eu simplesmente lhe lembro que Levítico 18:22 claramente afirma que isso é uma abominação. Fim do debate e pronto, deve ser morto!
Mas eu preciso da sua ajuda, entretanto, no que diz respeito a algumas leis específicas e como segui-las:
a) Quando eu queimo um touro no altar como sacrifício, eu sei que isso cria um odor agradável ao Senhor Levítico 1:9. O problema são os meus vizinhos. Eles reclamam que o odor não é agradável para eles. Devo matá-los por heresia?
b) Eu gostaria de vender a minha filha como escrava, como é permitido em Êxodo 21:7. Na época actual, qual acha que seria um preço justo por ela?
c) Eu sei que não é permitido ter contacto com uma mulher enquanto ela está em seu período de impureza menstrual Levítico 15:19/24. O problema é: como eu digo isso a ela? Eu tenho tentado, mas a maioria das mulheres toma isso como ofensa.
d) Levítico 25:44 afirma que eu posso possuir escravos, tanto homens quanto mulheres, se eles forem comprados de nações vizinhas. Um amigo meu diz que isso se aplica a mexicanos, mas não a canadenses. Você pode esclarecer isso? Por que eu não posso possuir canadenses?
e) Eu tenho um vizinho que insiste em trabalhar aos sábados. Êxodo 35:2 claramente afirma que ele deve ser morto. Eu sou moralmente obrigado a matá-lo eu mesmo?
f) Um amigo meu acha que comer moluscos é uma abominação Levítico 11:10, é uma abominação menor que a homossexualidade. Eu não concordo. Você pode esclarecer esse ponto?
g) Levítico 21:17/21 afirma que eu não posso me aproximar do altar de Deus se eu tiver algum defeito na visão. Eu admito que uso óculos para ler. A minha visão tem mesmo que ser 100%, ou pode-se dar um jeitinho?
h) A maioria dos meus amigos homens apara a barba, inclusive o cabelo das têmporas, mesmo que isso seja expressamente proibido em Levítico 19:27. Como eles devem morrer?
i) Eu sei que tocar na pele de um porco morto me torna impuro Levítico 11:6/8, mas eu posso jogar futebol americano sem usar luvas? (as bolas de futebol americano são feitas com pele de porco)
j) Meu tio tem uma fazenda. Ele viola Levítico 19:19 plantando dois tipos diferentes de vegetais no mesmo campo. Sua esposa também viola o mesmo versículo, porque usa roupas feitas de dois tipos diferentes de tecido (algodão e poliester). Ele também tende a xingar e blasfemar muito. É realmente necessário que eu chame toda a cidade para apedrejá-los Levítico 24:10/16? Nós não poderíamos simplesmente queimá-los em uma cerimónia privada, como deve ser feito com as pessoas que mantêm relações sexuais com seus sogros Levítico 20:14?
Eu sei que você estudou essas coisas a fundo, então estou confiante que possa ajudar.
 
Assim pensa uma criança, adolescente, jovem-adulto que não tem ainda senso-crítico desenvolvido para interpreta uma passagem em seu contexto histórico-crítico!
Parabéns por aprovarem a lei, vamos esperar a morte de fazendeiros, a volta da escravatura, o fim dos criadouros suínos… em nome da boa conduta…
 
 
E os absurdos não param…
Estão manipulando a informação!
 
____________________________________________________________________________________________________
 
Ataques ao STF e manipulação da informação
Inconformados com a decisão do Supremo Tribunal Federal, que, numa interpretação sistemático-analógica reconheceu o direito às conjugalidades homoafetivas ao instituto da União Estável, católicos e neopentecostais obscurantistas – sobretudo esses últimos – vem cada vez mais elevando o tom em seus ataques ao Regime Republicano.
Nas redes sociais, adeptos das seitas e religiões neopentecostais vem promovendo ameaças contra a instuição encarregada de interpretar a Constituição e integrante do Terceiro Poder da República,  o Judiciáro.Dentre as “propostas” veiculadas, logo após a decisão na ADPF 132 e ADI constava, pela via do Legislativo, através da Frente Parlamentar Evangélica, promover a supressão da vitaliciedade dos Ministros do STF.

Isso em meio a toda campanha difamatória forjada sobre o material paradidático do Programa Escola Sem Homofobia (segundo o deputado Federal Jean Wyllys jamais o material foi cogitado de ser dirigido aos alunos da primeira fase do ensino fundamental. Trata-se de material a ser distribuído às escolas que solicitarem, para ser trabalhados pelos professores em sala de aula e mediante acompanhamento de especialista do MEC).

A intensidade da campanha – promovida pelo capitão da reserva do exército e deputado fereral Jair Bolsonaro e encampada pelos evangélicos obscurantistas – foi enorme. O governo  não agiu com rapidez e eficácia, no sentido de esclarecer a população e inviabilizar o crescimento da campanha de desinformação. Limitou-se aos controvertidos e questionados comentários do Ministro Fernando Haddad, que mais contribuiram na promoção da desinformação e das críticas.

Em meio a uma crise (Caso Palocci), com o governo fragilizado politicamente, são divulgadas notícias dando conta de chantagens promovidas por parte da Frente Parlamentar Evangélica (trancamento da pauta do congresso; não votação das propostas governamentais).

Finalmente conseguem arrancar da Presidenta Dilma a precipitada (porque NÃO baseada em fatos e argumentos dos técnicos do MEC encarregados do Programa; ela mesma afirmou não conhecer os vídeos, tendo assistindo apenas parte de um, cujo pertencimento ao Programa é contestado) decisão de suspender a distribuição do material, embora o mesmo contasse com aval de diversas entidades, entre elas a UNESCO.

Seguem-se as apresentações de projetos de Decretos Legislativos. 

Um pretende a supressão da efetividade da decisão do STF quanto ao reconhecimento das famílias formadas por homossexuais (união estável).

Outro, busca suspender a validade da Portaria do Ministério da Saúde que garante a cirurgia de transgenitalização às pessoas transexuais.

Dia primeiro, organizam passeatas em diversas capitais, com o fim de repudiar o reconhecimento sociojurídico das pessoas com práticas homossexuais e suas conjugalidades. Igualmente verificam-se adisseminação de informações falsas (noticiam que os homossexuais estariam “queimando Bíblias“). Entregam ao presidente do Senado abaixo-assinado contra a proteção aos homossexuais em face das corriqueiras práticas discriminatórias (violências físicas, simbólicas – injúria, humilhações – assassinato), com o que se estaria regulamentando previsão constitucional – a Carta Republicana proibe práticas discriminatórias, seja por qual motivo for, mas, na prática, tal det rminação fica sem validade, na medida em que não há lei prevendo penalidade a quem descumprí-la. Daí o projeto de lei antidiscriminação (PL 122/2006).

Hoje, dia 06/05/2011, noticiam que no Acre alunos foram obrigados a assistir aos vídeos do Programa Escola Sem Homofobia.

A Câmara dos Deputados, através da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) aprovou o Projeto de Lei 2865/08 , do deputado Filipe Pereira (PSC-RJ), que determina a existência de pelo menos um exemplar da Bíblica nas bibliotecas públicas. Seria o caso que se exigir a isonomia e exigir, igualmente, a disponibilização do Corão, da Torá etc.

O Site > http://www.pl122.com < Se passa como site oficial no lugar do site > http://www.plc122.com.br < mostrando o texto antigo do PLC 122 falando que é o atual, depreciando o mesmo, colocando o mesmo no patamar de inconstitucional, se pedir acesso ao provedor, poderão ver que colocaram uma montagem de imagem para dizer que gays queimaram Bíblias, o que era uma bela mentira e ainda tinham pessoas acreditando naquilo, uma armação religiosa enorme!
Não bastando a intolerância! A Câmara Municipal de Niteroi aprovou Moção de Censura contra a manifestação de opinião de Frei Betto, publicado em 23 de maio, no qual se posicionou a favor do reconhecimento sociojurídico dos homossexuais. Com 18 vereadores, a iniciativa foi repudiada apenas por dois.
 Indo mais longe! A prefeita de São Gonçalo, Aparecida Panissé, quebrando longa tradição, proibiu a execução dos tapetes de Corpus Christi. A informação é do Blog do Pablo. Confira.
 
____________________________________________________________________________________________________
 
Mas quem não é contra, também não pode ser a favor, se for, sai no prejuízo!
O pastor Ricardo Gondim, 54, da Igreja Betesda, escreveu em seu blog que, depois de quase 20 anos como colaborador da Ultimato, ele foi “convidado” pelo conselho editorial a “descontinuar” a sua coluna na revista. Ultimato é filiada à Associação Evangélica Brasileira e à Associação de Editores Cristãos.Gondim foi informado pelos responsáveis pela revista de que suas declarações estavam criando desconforto e tensão. A gota d’água, segundo relatou o pastor, foi a entrevista que deu à revista Carta Capital na qual defendeu a união civil de homossexuais e a observância de que o Estado é laico. Aparentemente, ele foi defenestrado menos pelo que escrevia na revista e mais pelo que dizia em outros meios.
Fonte: O Galieleo
É absurdo! Intolerável, e aqui eu redigito sem tirar uma letra o texto do blog: http://comerdematula.blogspot.com/
As ações cada vez mais ousadas dos evangélicos obscurantistas seguem num crescendo preocupante. Tudo leva a crer que estão mesmo determinados a implantar no Brasil uma “Guerra Santa“.
Suas ações intolerantes e totalitárias já vem de longe, lá da década de 1980, para sermos mais precisos. Afronta aos cultos e cerimônias de outras religiões, ataques aos instrumentos de culto de outros credos, pregações agressivas, abordagens desrespeitosas, inoportunas, invasivas, totalitárias, tudo isso vimos assistindo há cerca de trinta anos.A deflagração do projeto político de instituição, no Brasil, de um estado evangélico coincidiu com a crise econômica, geradora de hiperinflação, muito desemprego e desespero. As famílias, desestruturadas, passaram a buscar na religião o amparo que não encontravam no Estado, via políticas sociais. Foi a sopa no mel, como se diz popularmente. O terreno estava completamente fértil a ascensão do obscurantismo religioso: miséria, insegurança, desemprego, violência, hiperinflação, precariedade do ensino público, do atendimento médico e da segurança.
Da Bahia, estado que congrega o maior número de negros fora do continente africano, tem sido corriqueiras as notícias dando conta de agressões aos Templos de Culto de Candomblé – tradicionais na Bahia, sobretudo, mas tambem presente em toda parte do país. Na entrevista concedida à Marília Gabriela no programa De Frente com Gabi, exibido na noite de ontem, o Deputado Federal Jean Wyllys recordou a demolição de uma Casa de Culto, promovida por funcionário público municipal evangélico. Na ação, foram destruídos os “pejís” – assentamentos dos orixás, local sagrado para os seguidores daquela religião.
Mas não apenas na Bahia são promovidos ataques contra as religiões da matriz africana. Em diversos pontos do país são verificados ataques sistemáticos e crescentes, inclusive perpetrados pela Polícia Militar, como foi o caso em Jaraguá do Sul, Santa Catarina, em 26 de junho de 2010. Munidos apenas de um “abaixo-assinado”, policiais invadiram o templo, interrompendo o culto, e agrediram os presentes – inclusive um menor. O caso deu ensejo a uma carta de protesto por parte de Átila Nunes e Átila Nunes Neto. Veja o texto integral aqui.A Câmara Municipal de Niteroi aprovou Moção de Censura contra a manifestação de opinião de Frei Betto, publicado em 23 de maio, no qual se posicionou a favor do reconhecimento sociojurídico dos homossexuais. Com 18 vereadores, a iniciativa foi repudiada apenas por dois.

A prefeita de São Gonçalo, Aparecida Panissé, quebrando longa tradição, proibiu a execução dos tapetes de Corpus Christi. A informação é do Blog do Pablo. Confira.

Afora isso, há ainda, segundo o mesmo Pablo Brandão, propostas legislativas tendendo tornar obrigatória a cobrança do Dízimo; obter a extinção dos feriados católicos e a obrigatoriedade do ensino religioso. Vejaaqui.

Enquanto isso, a Câmara dos Deputados, em Brasília, tornou-se um templo fundamentalista. Lá, com o dinheiro público, realizam-se sessões de Culto religioso e de comemoração de nominação religiosa.

Curiosamente, o blog da Frente Parlamentar Evangélica suprimiu o conteúdo do post “Projetos de Leis“. 

 
____________________________________________________________________________________________________
 
Meu Deus, aonde vamos parar? Em um Brasil Nazista? Não Há Freios? No Brasil a liberdade de expressão é uma coisa tão libertária que extrapola o limite o ilimitado! Fere a dignidade alheia! Fere a moral do próximo, fere os direitos! Promove a acepção de pessoas! Promove a homofobia, o racismo, a xenofobia, o preconceito RELIGIOSO! Já não bastava a HOMOFOBIA declarada, agora por parte dos mesmo ABUTRES, PODRES E IMUNDOS que evocam do INFERNO seus gritos em nome de uma moral que eles não tem! Usam o nome perfeito de Cristo que é sinônimo de PAZ, ALEGRIA, BONDADE, BENIGNIDADE, SERENIDADE, ALTRUÍSMO, para promover SEGRESSÃO? QUEM SÃO ELES?!
 
ANTHONY GAROTINHO?
Condenado pela justiça federal a dois anos e seis meses de reclusão por formação de quadrilha? “Homem de Deus!”
 
ÉDINO FONSECA? Deputado estadual Édino Fonseca, denunciado pelo Ministério Público, por formação de quadrilha e estelionato, conforme processo TJ-RJ Processo Nº2008.065.00003
 
JAIR BOLSONARO?
DEFENSOR DA DITADURA EXPLÍCITA, TRATA SEM O MÍNIMO RESPEITO ATÉ A EDUCADA RAINHA DA SUÉCIA, DEMONSTRA UM DESCONHECIMENTO TOTAL DO QUE É COMPORTAMENTO E DEFENDE A AGRESSÃO COMO FORMA DE CORREÇÃO DEMONSTRANDO UM REGRESSO DA EVOLUÇÃO HUMANA!
Mas quem eu devo citar? Melhor parar!
A não, tem o líder!
 
Silas Malafaia!

A procuradora Ana Carolina Araújo Roman, do MP (Ministério Público) em Brasília, abriu inquérito para apurar se foram homofóbicas as afirmações do pastor Silas Malafaia em maio de 2010.

Durante uma audiência pública sobre o Estatuto das Famílias na Câmara dos Deputados, o pastor da Assembleia de Deus, da subdenominação Vitória em Cristo, se opôs com veemência (como é de seu estilo) à união civil de casais homossexuais. 

Afirmou que se a relação homoafetiva for legalizada, “tudo o que se imagina” poderá ter o respaldo da lei, incluindo a necrofilia e a zoofilia.  “Quem tem relação com cachorro, vamos botar na lei. É um comportamento, ué, vamos aceitar. Quem tem relação com cadáver, é um comportamento, vamos botar na lei.” 

O Ministério Público vinha examinando o caso desde aquela época. Em fevereiro deste ano ( 2011 ), a procuradora Ana Carolina transformou as investigações em inquérito.

Malafaia se destaca pela sua pregação e militância ultraconservadora, principalmente em relação aos homossexuais. Em outubro de 2010, ele distribuiu no Rio de Janeiro 600 outdoors com a inscrição: “Em favor da família e preservação da espécie. Deus fez macho e fêmea”.

O Ministério da Justiça abriu um processo que pode resultar na primeira reclassificação de um programa evangélico, o “Vitória em Cristo”, apresentado pelo pastor Silas Malafaia, da Assembléia de Deus, que passaria a ser impróprio para antes das 20h.

Para o governo,o programa contém “linguagem depreciativa e conteúdos verbais que expõem lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros a situações humilhantes ou degradantes”.”

Notícias Gospel Mais

Radar-Online 

AS MESMAS COMPARAÇÕES ABSURDAS FEZ O SENADOR MAGNO MALTA! MEU DEUS, QUE ABSURDO!
 
 ____________________________________________________________________________________________________

 

Anteriormente eu tinha criado um post sobre a possibilidade do Deputado Jean solicitar intervenção da corte internacional sobre a homofobia e perseguição religiosa, porém agora eu vejo que não é uma questão de possibilidade, é uma questão de necessidade e necessidade essa, URGENTE! É um aburdo! Inadmissível! Cito aqui novamente o Post!

O deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ) diz que pode acionar as cortes internacionais, baseando-se em tratados de direitos humanos dos quais o Brasil é signatário, como resposta à “perseguição” sofrida pelos homossexuais por parte de fundamentalistas religiosos no país. Em Vitória para participar do primeiro seminário sobre Direito homoafetivo realizado pela Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Espírito Santo (OAB-ES), o deputado frisou que não se refere a toda a comunidade cristã, mas apenas parte dela.

“Se a perseguição sistemática aos homossexuais recrudescer por parte dos fundamentalistas religiosos – não me refiro à comunidade cristã como um todo, mas aos fundamentalistas, aqueles que usam a Bíblia para violentar a diginidade da pessoa humana – eu vou acionar as cortes internacionais. Porque o Brasil subescreveu tratados de defesa dos direitos humanos. Porque isso é violação de direitos, o que não podemos permitir”.

Sobre o projeto do Ministério da Educação (MEC) “Escola Sem Homofobia”, também chamado de Kit anti-homofobia, que foi suspenso pela presidente Dilma Rousseff (PT), Jean Wyllys diz que o Executivo cedeu à chantagem feita por deputados da chamada bancada evangélica, que não pediria explicações sobre o aumento do patrimônio do agora ex-ministro Antônio Palocci se a presidente cancelasse o kit. “Naquele momento o governo estava pressionado pela questão do ministro Palocci, que acabou caindo depois. Foi aí que os opositores da cidadania LGBT encontraram a brecha para chantagear o governo. O governo cedeu”.

Ainda sobre o Kit, o deputado rebateu as criticas de que o material a ser distribuído nas escolas pudesse ser um incentivo a que os estudantes se tornassem homossexuais. “O projeto não faz proselitismo e nem pode transformar ninguém. A orientação sexual de ninguém pode ser estimulada por meio de livro didático. Se fosse, eu seria heterossexual, porque todos os livros que eu estudei o incentivo era para ser heterossexual, mas minha sexualidade é homossexual”.

O coordenador da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Gustavo Bernardes, diz que a suspensão do “Escola sem homofobia” não significa que o governo federal não esteja preocupado com a homofobia nas escolas e que outros projetos são estudados.

O jornalista e cronista Jace Theodoro, que fez uma participação na abertura do seminário, diz que no Espírito Santo, como de forma geral no brasil, a homofobia e posições contrárias ao reconhecimento da união homoafetiva surgem da falta de informação. “Ninguém está falando sobre casamento na igreja, não queremos casar de véu e grinalda. Queremos apenas direitos civis, como partilha de bens e herança. Isso beneficia os homossexuais e não prejudica os heterossexuais”, afirmou.

Homossexualidade e pedofilia

Questionado sobre declarações do senador Magno Malta (PR-ES), que faz parte da bancada evangélica, o deputado do PSOL diz que o senador age de má fé.

“Chega a ser má fé do senador Magno Malta associar homossexualidade à pedofilia. Quem pratica largamente a pedofilia no Brasil são homens heterossexuais. As vítimas preferenciais são meninas. Os dados são do IBDFAN (Instituto Brasileiro dos Direitos da Família). As meninas são arrastadas para prostíbulos. Elas são abusadas por padrastos e até pelos pais”.

A assessoria do senador Magno Malta informou que o parlamentar não fala por má fé e sim com base em dados da CPI da Pedofilia, que foi presidida pelo próprio Malta.

Projeto criminaliza a homofobia: Tanto o deputado Jean Wyllys quanto o coordenador da Secretaria de Direitos Humanos, Gustavo Bernardes, defendem a aprovação pelo Congresso Nacional do Projeto de Lei Complementar 122, que criminaliza a homofobia como forma de coibir a violência contra homossexuais. De acordo com Bernardes 260 homossexuais foram assassinados no ano passado em todo o Brasil. De dezembro a maio deste ano a secretaria recebeu 567 denúncias de homofobia por meio do Disque 100.Fonte:  A Gazeta

A Declaração a qual o Deputado fala é a que o Brasil assinou em responsabilidade de “Combater a Discriminação com Base na Orientação Sexual e na Identidade de Gênero”

A Organização das Nações Unidas está comprometida com a luta contra todas as formas de discriminação. Ao longo dos anos, atenção especial tem sido dada ao combate à discriminação racial e sexual, assim como às discriminações baseadas no estado de saúde, às deficiências ou à filiação religiosa de uma pessoa. Mais recentemente, as Nações Unidas têm se tornado cada vez mais preocupadas com a prevalência da discriminação com base na orientação sexual e identidade de gênero.

Lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros (LGBT) são vulneráveis a toda uma gama de violações de direitos humanos, incluindo violência homofóbica, assassinato, estupro, prisão arbitrária e discriminação generalizada no ambiente de trabalho e no acesso a serviços básicos como habitação e saúde. Em mais de 70 países, há leis que criminalizam a homossexualidade, expondo milhões ao perigo de detenção, aprisionamentos e, em alguns casos, execução. O Secretário-Geral da ONU, a Alta Comissária para Direitos Humanos e os encarregados de várias agências da ONU têm se manifestado – solicitando a descriminalização da homossexualidade em todo o mundo e medidas adicionais para proteger as pessoas de violência e discriminação baseada em sua orientação sexual ou identidade de gênero.

Os organismos de direitos humanos das Nações Unidas, cuja função é monitorar o cumprimento por parte dos Estados membros de suas obrigações no âmbito dos tratados internacionais de direitos humanos, têm afirmado reiteradamente que os Estados têm a obrigação, sob as disposições de direitos humanos existentes, de proteger as pessoas de violência e discriminação baseadas em sua orientação sexual. No mesmo sentido, os relatores especiais, especialistas independentes e grupos de trabalho designados pelo Conselho de Direitos Humanos da ONU para elaborarem pareceres sobre os desafios aos direitos humanos, têm emitido dezenas de relatórios, declarações e apelos salientando a vulnerabilidade de pessoas LGBT a violações de direitos humanos e pedindo aos Estados membros que revoguem ou reformem leis e políticas discriminatórias.

Secretário-Geral da ONU

“Como homens e mulheres de consciência, rejeitamos a discriminação em geral, e em particular aquela baseada na orientação sexual e na identidade de gênero. Quando indivíduos são atacados, abusados ou presos por causa de sua orientação sexual, temos a obrigação de nos posicionar… Hoje, muitas nações têm constituições modernas que garantem direitos fundamentais e liberdades. Ainda assim, a homossexualidade é considerada crime em mais de 70 países. Isto não está certo. Sim, reconhecemos que as práticas culturais estão profundamente enraizadas. Sim, as mudanças sociais frequentemente vêm apenas com o tempo. Mas que não haja confusão: onde há conflito entre atitudes culturais e direitos humanos universais, os direitos devem prevalecer. Reprovação pessoal, e mesmo reprovação social, não é desculpa para prender, deter, aprisionar, humilhar ou torturar ninguém, jamais.” – Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-noon, 10 de dezembro de 2010

Altos funcionários das Nações Unidas

“Leis que criminalizam a homossexualidade são uma grave ameaça aos direitos fundamentais de lésbicas, gays, bissexual e transgêneros, expondo-os ao risco de prisão, detenção e, em alguns casos, tortura e execução. Geralmente, sanções criminais vêm acompanhadas de grande quantidade de outras medidas discriminatórias que afetam o acesso a uma gama enorme de direitos – civis, políticos, econômicos, sociais e culturais. Nós também sabemos que a criminalização perpetua estigmas e contribui para um ambiente de homofobia, intolerância e violência.” – Alta Comissária de Direitos Humanos, Navi Pillay, 1º de fevereiro de 2011

Eu peço a todos os governos que tomem medidas para eliminar o estigma e a discriminação enfrentados pelas populações de homens que fazem sexo com homens, de lésbicas e de transgêneros. Os governos também devem criar ambientes sociais e legais que assegurem o respeito aos direitos humanos e permitam o acesso universal à prevenção do HIV e ao seu tratamento, atenção e apoio.” – Diretor-Executivo do UNAIDS, Michel Sidibé, 17 de maio de 2010

Um dos princípios basilares das Nações Unidas é nossa convicção quanto à dignidade e ao valor de cada pessoa, sem distinção por raça, cor, sexo, idioma, religião, bens, origem ou outras condições. A discriminação, em todas as suas formas, continua a enfraquecer este princípio… A discriminação tem se manifestado… no combate ao HIV/aids, em que a estigmatização de homens que fazem sexo com homens e a recusa de prover serviços de redução de danos para usuários de drogas fazem retroceder o trabalho de prevenção e tratamento.” – Coordenadora do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, Helen Clark, 10 de dezembro de 2009

“A Organização Mundial de Saúde retirou a homossexualidade da Classificação Internacional de Doenças em 17 de Maio de 1990. Foi um passo importante adiante. No entanto, duas décadas depois o estigma e a discriminação contra homossexuais ainda existem, e podem resultar em acesso restrito aos serviços de saúde e em metas não atingidas nos programas de saúde…” – Diretora-Geral da Organização Mundial da Saúde, Margaret Chan, 8 de abril de 2011

  

Especialistas independentes das Nações Unidas em direitos humanos

(Relatores especiais e outros especialistas encarregados pelo Conselho de Direitos Humanos da ONU)

A existência de leis que criminalizam comportamentos homossexuaisconsensuais entre adultos na vida privada e a aplicação de penas criminais contra pessoas acusadas de tais comportamentos violam os direitos à privacidade, à liberdade e à não discriminação estabelecidos no Pacto Internacional de Direitos Civis e Políticos.” – Parecer aprovado pelo Grupo de Trabalho da ONU sobre Detenções Arbitrárias, 2 de fevereiro de 2007

“O Relator Especial está profundamente preocupado com as campanhas contínuas de difamação e ameaças violentas contra defensores dos direitos de lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros,” – Parecer do Relator Especial da ONU sobre a situação de defensores dos direitos humanos, 30 de dezembro de 2009

“Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e direitos”.

– Declaração Universal dos Direitos Humanos (Artigo 1º)

“Violência baseada no gênero… é particularmente intensa quando combinada com discriminação por orientação sexual ou por mudança de identidade de gênero. A violência contra minorias sexuais está aumentando e é importante que nós assumamos o desafio daquilo que poderia ser chamada a última fronteira dos direitos humanos.” –Apresentação do relatório do Relator Especial da ONU para violência contra mulheres, 10 de abril de 2002

“Particularidades regionais e nacionais… ou práticas históricas, culturais e religiosas, embora relevantes em muitos aspectos, não eximem os governos da responsabilidade de promover e proteger todos os direitos humanos e todas as liberdades fundamentais e de assegurar que esta proteção é universalmente aplicada e respeitada.” – Declaração conjunta dos Titulares de Mandatos em direitos humanos da ONU (sobre defensores dos direitos humanos; formas contemporâneas de racismo, discriminação racial, xenofobia e intolerância correlata; violência contra mulheres; e do direito de todos ao mais alto nível possível de saúde física e mental), 23 de fevereiro de 2007

“Não há hierarquia nas motivações da discriminação.” – Parecer do Relator Especial da ONU para liberdade de religião e crença, 7 de fevereiro de 2008

 

“Dentre os detentos, certos grupos estão sujeitos à dupla discriminação e vulnerabilidade, inclusive… gays, lésbicas e transgêneros.” – Parecer do Relator Especial da ONU para tortura e outros tratamentos ou punições cruéis, desumanos ou degradantes, 9 de fevereiro de 2010

“A legislação internacional sobre direitos humanos… requer dos Estados que garantam a não discriminação e a igualdade (na teoria e na prática) com base em gênero, orientação sexual e identidade de gênero.” – Parecer do Relator Especial da ONU para a promoção e proteção dos direitos humanos enquanto combate ao terrorismo, 3 de agosto de 2009

O acesso ao direito à saúde requer que os Estados descriminalizem as relações consensuais entre pessoas do mesmo sexo, bem como revoguem leis que discriminam com base em orientação sexual e identidade de gênero, a fim de cumprir as obrigações fundamentais do direito à saúde e de criar um ambiente propício para o pleno usufruto deste direito” – Parecer do Relator Especial sobre o direito de todos em usufruir o mais alto padrão possível de saúde física e mental, 27 de abril de 2010

 

Diretrizes jurídicas para os Estados, elaboradas pelos organismos das Nações Unidas responsáveis pelos tratados de direitos humanos

“Estados membros (da Convenção Internacional de Direitos Econômicos, Sociais e Culturais) devem assegurar que a orientação sexual de uma pessoa não seja obstáculo para a concretização dos direitos da Convenção… Além disso, reconhece-se que deve ser proibida a discriminação por identidade de gênero.” – Comitê de Direitos Econômicos, Sociais e Culturais da ONU, Observação Geral Nº 20 de 2009

“A Convenção (sobre Direitos Econômicos, Sociais e Culturais) proíbe qualquer discriminação no acesso ao emprego e na sua manutenção com base em… orientação sexual.” – Comitê de Direitos Econômicos, Sociais e Culturais da ONU, Observação Geral Nº 18 de 2005

 

“A Convenção proíbe qualquer discriminação no acesso ao tratamento de saúde e a fatores determinantes para a saúde, assim como aos meios e às garantias para sua obtenção, com base… em orientação sexual.” – Comitê de Direitos Econômicos, Sociais e Culturais da ONU, Observação Geral Nº 14 de 2000

“A proibição da discriminação estabelecida pelo artigo 26 (da Convenção Internacional de Direitos Civis e Políticos) também inclui a discriminação baseada em orientação sexual” – Decisão da Comissão de Direitos Humanos da ONU no caso X versus Colômbia (2007)

“Os Estados membros têm a obrigação de assegurar que todos os seres humanos menores de 18 anos gozem de todos os direitos estabelecidos pela Convenção sem discriminação, inclusive no que diz respeito à “raça, cor, sexo, idioma, religião, convicções políticas, nacionalidade, origem social ou étnica, bens, deficiência, origem ou outras condições”. Estes fundamentos também se referem à orientação sexual e ao estado de saúde dos adolescentes.” – Comitê da ONU para os Direitos da Criança, Observação Geral Nº 4 de 2003

“Os Estados membros (da Convenção contra Tortura) devem garantir, no que diz respeito às obrigações estabelecidas pela Convenção, que suas leis sejam aplicadas, na prática, a todas as pessoas independentemente de… orientação sexual (ou) identidade de gênero.” – Comissão da ONU contra Tortura, Observação Geral Nº 2 de 2008 

“A discriminação das mulheres baseada no sexo e no gênero está indissociavelmente ligada a outros fatores que as afetam, tais como raça, etnia, religião ou crença, saúde, condição social, idade, classe social, casta, e orientação sexual e identidade de gênero.” – Comitê da ONU para a Erradicação da Discriminação contra Mulheres, Recomendação Geral Nº 28 de 2010 

 

Diretrizes elaboradas pelas agências das Nações Unidas

Legislação penal proibindo relações sexuais consensuais… entre adultos na esfera privada deve ser revista, com o intuito de revogá-la.” – Diretrizes Internacionais sobre HIV/Aids e Direitos Humanos, EACDH e UNAIDS (2006)

“Mundialmente, homens que fazem sexo com homens e pessoas transgênero sofrem altos níveis de exclusão social e desafios na busca pela igualdade. A capacidade destes indivíduos em realizar plenamente seus potenciais de saúde é restringida em vários contextos por leis que criminalizam as relações entre pessoas do mesmo sexo e a diversidade sexual/de gênero.” – Parecer sobre Prevenção e Tratamento de HIV e Outras Doenças Sexualmente Transmissíveis entre Homens que fazem Sexo com Homens e Populações Transgênero, Organização Mundial da Saúde (2008)

“Os governos devem garantir que os parlamentares, a polícia, os juízes e os funcionários do Ministério da Justiça estejam munidos de informações baseadas em evidências acerca da epidemiologia do HIV e sensibilizados quanto aos impactos prejudiciais para a saúde pública e os direitos humanos de leis, políticas e condutas punitivas em relação aos homens que fazem sexo com homens e às pessoas transgênero.” – Ambientes Legais, Respostas de Direitos Humanos e HIV entre Homens que fazem Sexo com Homens e Pessoas Transgênero na Ásia e no Pacífico: Uma Agenda para Ação, PNUD (2010)

 

____________________________________________________________________________________________________

 

A Alta Comissária da ONU para os Direitos Humanos, Navi Pillay, fez um alerta nesta terça-feira (17/05) para o aumento dos crimes contra lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros, e pediu aos governos que tomem medidas para acabar com a discriminação e com o preconceito baseado na orientação sexual ou na identidade de gênero.

Em uma mensagem de vídeo para marcar o Dia Internacional contra a Homofobia e a Transfobia, Pillay disse que estas formas de discriminação são muitas vezes negligenciadas pelos governos. Ela afirmou que estatísticas indicam que crimes contra homossexuais aumentaram em diversas partes do mundo, e que a homossexualidade continua sendo um crime em mais de 70 países. “Ninguém tem o direito de tratar um grupo de pessoas como sendo de menor valor, menos merecedores ou menos dignos de respeito”, declarou.

Ela acrescentou que os padrões dos direitos humanos internacionais já incorporaram o princípio de que ninguém deve sofrer discriminação com base em sua sexualidade ou identidade de gênero. “Dezessete anos atrás, o Comitê de Direitos Humanos das Nações Unidas confirmou que, nos termos do direito internacional, os Estados têm a obrigação de descriminalizar a homossexualidade e proteger seus indivíduos contra a discriminação com base na sua orientação sexual.”

 

____________________________________________________________________________________________________

 
A Alta Comissária da Onu, ainda citou o Brasil como um dos campeões em homofobia no mundo, ela fez o alerta em vídeo, a ONU já esta de olho neste assunto há um tempo, caso haja um acionamento da corte internacional a coisa não vai ficar nada boa pro Brasil… Lembrando que como medidas a Corte Internacional veta compras do país, importações e exportações, não concedem vistos, não julgam casos de dupla nacionalidade, até que o país tome uma devida decisão sobre o assunto, visto que vidas estão em jogo ( homofobia mata ) e que a violação dos direitos da dignidade da pessoa humana assim como o direito de ir e vir ( travestis e transexuais acabam não podendo sair na rua porque podem ser atacadas do nada ) não falta provas para intervenção da Corte Internacional! Acredite, voto a favor da intervenção pela Suécia já tem!  ( Bolsonaro e a Lei da Palmada… ). Do Canadá eu não tenho dúvidas alguma, visto que o Canadá anda cortando até canais de TV evangélicos que promovam a homofobia. Portugal, Espanha, Noruega, Holanda, não preciso comentar… A França negou a pouco a união civil entre pessoas do mesmo sexo, mas foi a primeira a criar um pacto de pacificação entre heteros e homossexuais e foi a primeira e até agora a única a tirar o travestismo e o transexualismo da categoria de doenças, então creio no voto a favor sim! Austrália e Nova Zelândia eu não tenho dúvidas alguma! Argentina e Uruguai também! México e Venezuela eu tenho minhas dúvidas… Inglaterra, Japão, Cingapura, Irlanda, votam a favor também! Lembrando que em caso de intervenção internacional pela corte há varias maneiras, a mais comum é a pelo voto dos representantes dos países afiliados, nos casos os signatários dos direitos humanos… Você pode até se perguntar “porque não interviram na Uganda?” – Ela não é Signatária! Nem o Irã e esses países abitolados… Bom, mas somos uma democracia, embora aqui os votos dos homófobos não vão contar muita coisa dã, mas como o público do site é em suma maioria LGBTs, me atreverei em colocar uma enquete, mas por favor, justifiquem o voto por comentário!
 
__________________________________________________________________________________________________________
 
Pra mim, já era pra ter acionado, Silas Malafaia tem promovido uma cruzada anti-homossexuais, aderindo pessoas ao fanatismo religioso pró-homofobia, comparando os homossexuais a pedófilos, necrófilíacos e zoofíliacos! Já passou dos limites! São mais de 30milhões de brasileiros tendo seus direitos e dignidade violados por um cada que usa a Bíblia para promover uma ideologia exclusiva a qual quem pensa que homossexual tem que ter direito é tido como um herege, filho do cão, do diabo, deve sair da igreja, perdem colunas de revistas, perdem participação em canais de TV, cargos em igrejas! Está um absurdo! Está virando um Absurdo, vamos daqui a poco ter que sair que nem os caras pintadas pedindo nossos direitos!!!
E aqui, eu peço a deputados que sei que vão ler o Blog, que assumem o compromisso com o cidadão, que fazem questão de ouvi-lo, independente de voto, que são 4 que tenho uma enorme admiração! 
 
 Deputada Manuela D’Ávila – PCdoB/RS ;
 Deputado Paulo Pimenta – PT/RS ;
Deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ) ;
Deputado Dr. Rosinha (PT-PR) ;
 
E aos demais que eu não tive oportunidade de manter contato ainda, porém creio que terei, porém outros colegas tiveram, então conversem com eles!
 
Senadora Marta Suplicy (PT-SP)
Senadora Marinor Brito (PSOL-PA)
Deputada Erika Kokay (PT-DF)
Deputada Fátima Bezerra (PT-RN)
Deputado Arthur Bruno (PT-CE)

 Mas aqui, eu cobro de cada um que se compromissou com a população, em proteger, em cuidar, em igualar os direitos, em levar dignidade e educação, saúde e respeito a todos! Em todos os estados deste imenso país a agirem de forma rápida e eficaz, sem prepotência ou brigas de partidos, sem rixas ou mágoas entre si, que se preciso, recorram a Corte Internacional, vidas estão sendo perdidas por conta de pronunciamentos religiosos que se dizem proteger,

 mas só induzem a homofobia e a atitudes desumanas, no meio de toda essa confusão, eu queria lhes falar sobre o caso de um jovem de 18 anos, que foi morto em Natal no RN, Caio Lhennyson da Silva Costa( FOTO ), seu corpo foi encontrado perto de sua casa no dia 29 de maio, ele morreu por estrangulamento, porém foi antes, torturado, estuprado, teve seus dentes quebrados, sua boca estava cheia de pedras e areia, além do corpo esfacelado, uma família foi destruída e um crime brutal foi cometido por 3 homens que se acharam no direito de matar alguém por ser diferente, a homofobia foi confirmada pela delegada responsável pelo caso, talvez se uma lei, ou alguém tivesse inibido depreciativa, homofóbica, insinuativa a homicídios de religiosos esse jovem hoje não estaria morto e sua avó não estaria em prantos, assim como sua mãe, pai e amigos! Ele só tinha 18 anos! Eu tenho vergonha do meu país! Eu tenho vergonha da MAIORIA do meu governo! A Maioria assume compromisso com os LGBTs porém uns 10 ou 20 se apresentam, enquanto a bancada evangélica se reúne para um “churrasco em Cristo” no plenário quase todos ( 72 no total )! Então vou listar todos os Deputados que se comprometeram com os LGBTs e os Senadores também! E irei cobrar dos blogueiros, dos sites, dos cidadãos, das ONGs, dos sindicatos, dos conselhos e de onde mais eu puder me estender como Psicanalista, Terapeuta Homeopata, Cristão, Blogueiro, Homossexual assumido, filho de heterossexuais cristãos, amigo de ateus e kardecistas, mais chegado que irmão de sangue há amigos de religião de raízes afro, super companheiro de judeus heteros, atolado de serviços junto a mulheres mães de meninas heterossexuais que tem filhas gêmeas, sobrinho de Juiz, Advogado, Costureira, Design! Primo de Modelo, Enfermeiro, Médico, Dentista, Pipoqueiro, Maquinista! Neto de Bombeiro, Açougueiro e Barbeiro! Filho de Mêcanico e de Miss Rio de Janeiro! Eu sou toda essa mistura, e dela sou formado e dessa pluralida sou constituido e não vou permitir que um ser que se acha dono de uma verdade absoluta destrua uma cadeia de outras auto-verdades que eles não podem ser negadas só porque pensam diferente!
 
 
COBREM! COBREM!
 
 
1. Perpétua Almeida – PcdoB/AC (Frente LGBT)
2. Sibá Machado – PT/AC
3. Mauricio Quintella Lessa – PR/AL (Frente LGBT)
4. Professora Dalva – PT/AP (Frente LGBT)
5. Evandro Milhomem – PcdoB/AP (Frente LGBT)
6. Praciano – PT/AM (Frente LGBT)
7. Rebecca Garcia – PP/AM (Frente LGBT)
8. ACM Neto – DEM/BA (Frente LGBT)
9. Rui Costa – PT/BA
10. João Leão – PP/BA (Frente LGBT)
11. Nelson Pelegrino – PT/BA (Frente LGBT / Termo Compromisso)
12. Afonso – PT/BA
13. Daniel Almeida – PcdoB/BA (Frente LGBT)
14. Valmir Assunção – PT/BA (Termo Compromisso)
15. Antonio Imbassahy – PSDB/BA
16. Zézeu – PT/BA (Frente LGBT)
17. Edson Pimenta – PcdoB/BA
18. Alice Portugal – PcdoB/BA (Frente LGBT)
19. Waldenor – PT/BA
20. Mauricio Trindade – PR/BA (Frente LGBT)
21. Marcos Medrado – PDT/BA (Frente LGBT)
22. Roberto Britto – PP/BA (Frente LGBT)
23. Luiz Alberto – PT/BA (Frente LGBT)
24. Anibal – PMDB/CE (Frente LGBT)
25. Artur Bruno – PT/CE (Termo Compromisso)
26. Arnon Bezerra – PTB/CE (Frente LGBT)
27. Gorete Pereira – PR/CE (Frente LGBT)
28. Eudes Xavier – PT/CE (Frente LGBT / Termo Compromisso)
29. Chico Lopes – PcdoB/CE (Frente LGBT)
30. Ariosto Holanda – PSB/CE (Frente LGBT)
31. Reguffe – PDT/DF
32. Paulo Tadeu – PT/DF
33. Jaqueline Roriz – PMN/DF
34. Magela – PT/DF (Frente LGBT)
35. Erika Kokay – PT/DF (Termo Compromisso)
36. Lelo Coimbra – PMDB/ES (Frente LGBT)
37. Paulo Foletto – PSB/ES
38. Rose de Freitas – PMDB/ES (Frente LGBT)
39. Iriny Lopes – PT/ES (Frente LGBT)
40. Dr. Jorge Silva – PDT/ES
41. Cesar Colagno – PSDB/SE
42. Rubens Otoni – PT/GO (Frente LGBT)
43. Sandes Junior – PP/GO (Frente LGBT)
44. Gastão Vieira – PMDB/MA (Frente LGBT)
45. Waldir Maranhão – PP/MA (Frente LGBT)
46. Professor Sétimo – PMDB/MA (Frente LGBT)
47. Dutra – PT/MA (Frente LGBT)
48. Pinto Itamaraty – PSDB/MA (Frente LGBT)
49. Ribamar Alves – PSB/MA (Frente LGBT)
50. Wellington Fagundes – PR/MT (Frente LGBT)
51. Saguas – PT/MT
52. Eliene Lima – PP/MT (Frente LGBT)
53. Biffi – PT/MS (Frente LGBT)
54. Alexandre Silveira – PPS/MG
55. Jaiminho Martins – PR/MG (Frente LGBT)
56. Reginaldo Lopes – PT/MG (Frente LGBT)
57. Domingos Savio – PSDB/MG
58. Leonardo Quintão – PMDB/MG
59. Gabriel Guimarães – PT/MG (Termo Compromisso)
60. Eduardo Barbosa – PSDB/MG (Frente LGBT)
61. Luiz Fernando – PP/MG (Frente LGBT)
62. Jô Moraes – PcdoB/MG (Frente LGBT)
63. Marcos Montes – DEM/MG (Frente LGBT)
64. Antonio Roberto – PV/MG (Frente LGBT)
65. Beto Faro – PT/PA (Frente LGBT)
66. Nilson Pinto – PSDB/PA (Frente LGBT)
67. Puty – PT/PA
68. Asdrubal – PMDB/PA (Frente LGBT)
69. Luiz Couto – PT/PB (Frente LGBT / Termo Compromisso)
70. Ratinho Junior – PSC/PR (Frente LGBT)
71. Hermes Parcianello – PMDB/PR (Frente LGBT)
72. André Vargas – PT/PR (Frente LGBT)
73. Osmar Serraglio – PMDB/PR (Frente LGBT)
74. Angelo Vanhoni – PT/PR (Frente LGBT)
75. Assis do Couto – PT/PR (Frente LGBT)
76. Dr Rosinha – PT/PR (Frente LGBT / Termo Compromisso)
77. Rosane Ferreira – PV/PR
78. Mauricio Rands – PT/PE (Frente LGBT / Termo Compromisso)
79. Bruno Araujo – PSDB/PE (Frente LGBT)
80. Gonzaga Patriota – PSB/PE (Frente LGBT)
81. Pedro Eugenio – PT/PE (Frente LGBT)
82. Fernando Ferro – PT/PE (Frente LGBT)
83. Paulo Rubem – PDT/PE (Frente LGBT)
84. Marcelo Castro – PMDB/PI
85. Julio Cesar – DEM/PI (Frente LGBT)
86. Assis Carvalho – PT/PI
87. Osmar Junior – PcdoB/PI (Frente LGBT)
88. Iracema Portela – PP/PI
89. Paes Landim – PTB/PI (Frente LGBT)
90. Jesus Rodrigues – PT/PI
91. Átila lira – PSB/PI (Termo Compromisso)
92. Marllos Sampaio – PMDB/PI (Termo Compromisso)
93. Chico Alencar – PSOL/RJ (Frente LGBT)
94. Leonardo Picciani – PMDB/RJ (Frente LGBT)
95. Jandira Feghali – PcdoB/RJ
96. Alexandre Cardoso – PSB/RJ
97. Alessandro Molon – PT/RJ
98. Rodrigo Maia – DEM/RJ (Frente LGBT)
99. Luiz Sergio – PT/RJ
100. Stepan Nercessian – PPS/RJ
101. Andreia Zito – PSDB/RJ (Frente LGBT)
102. Simão Sessim – PP/RJ (Frente LGBT)
103. Alexandre Santos – PMDB/RJ (Frente LGBT)
104. Benedita – PT/RJ
105. Glauber – PSB/RJ (Frente LGBT)
106. Edson Santos – PT/RJ
107. Bittar – PT/RJ (Frente LGBT)
108. Felipe Bornier – PHS/RJ (Frente LGBT)
109. Dr Paulo Cesar – PR/RJ (Frente LGBT)
110. Jean Wyllys – PSOL/RJ (Termo Compromisso)
111. Fátima Bezerra – PT/RN (Frente LGBT)
112. Fábio Faria – PMN/RN (Frente LGBT)
113. Sandra Rosado – PSB/RN (Frente LGBT)
114. Manuela D’Ávila – PCdoB/RS (Frente LGBT/Termo Compromisso)
115. Beto Albuquerque – PSB/RS (Frente LGBT)
116. Paulo Pimenta – PT/RS (Frente LGBT / Termo Compromisso)
117. Henrique Fontana – PT/RS (Frente LGBT)
118. Marco Maia – PT/RS (Frente LGBT)
119. Pepe Vargas – PT/RS (Frente LGBT)
120. Perondi – PMDB/RS (Frente LGBT)
121. José Otávio Germano – PP/RS (Frente LGBT)
122. Renato Molling – PP/RS (Frente LGBT)
123. Assis Melo – PCdoB/RS
124. Lindomar Garçon – PV/RO (Frente LGBT)
125. Luciano Castro – PR/RR (Frente LGBT)
126. Décio Lima – PT/SC (Frente LGBT)
127. Pedro Uczai – PT/SC
128. Luci – PT/SC
129. Tiririca – PR/SP
130. Paulinho da Força – PDT/SP (Frente LGBT)
131. João Paulo Cunha – PT/SP (Frente LGBT)
132. Jilmar Tatto – PT/SP (Frente LGBT)
133. Zarattini – PT/SP (Frente LGBT)
134. Luiza Erundina – PSB/SP (Frente LGBT)
135. Arnaldo Faria de Sá – PTB/SP (Frente LGBT)
136. Ivan Valente – PSOL/SP (Frente LGBT / Termo Compromisso)
137. Janete Peitá – PT/SP (Frente LGBT)
138. Vicentinho – PT/SP (Frente LGBT)
139. Arnaldo Jardim – PPS/SP (Frente LGBT)
140. Paulo Teixeira – PT/SP (Frente LGBT Termo Compromisso)
141. Aldo Rebelo – PCdoB/SP (Frente LGBT)
142. Vaccarezza – PT/SP (Frente LGBT)
143. Devanir Ribeiro – PT/SP (Frente LGBT)
144. Nelson Marquezelli – PTB/SP
145. Guilherme Campos – DEM/SP (Frente LGBT)
146. Penna – PV/SP
147. João Dado – PDT/SP (Frente LGBT)
148. Edson Aparecido – PSDB/SP (Termo Compromisso)
149. José Aníbal – PSDB/SP (Termo Compromisso)
150. Mara Gabrilli – PSDB/SP (Termo Compromisso)
151. Mendes Thame – PSDB/SP (Termo Compromisso)
152. Roberto Freire – PPS/SP (Termo Compromisso)
153. Vicente Candido – PT/SP (Termo Compromisso)
154. Valadares Filho – PSB/SE (Frente LGBT)
 
SENADORES
 
 
1. Alfredo Nascimento – PR/AM (Frente LGBT) – mandato 2007-2014
2. Inácio Arruda – PCdoB/CE (Frente LGBT) – mandato 2007-2014
3. Cristóvam Buarque – PDT/DF (Frente LGBT)
4. Delcídio Amaral – PT/MS (Frente LGBT)
5. Francisco Dornelles – PP/RJ (Frente LGBT) – mandato 2007-2014
6. Paulo Paim – PT/RS (Frente LGBT)
7. Antonio Carlos Valadares – PSB/SE (Frente LGBT)
8. Eduardo Suplicy – PT/SP (Frente LGBT) – mandato 2007-2014
9. Roberto Requião – PMDB/PR (Termo de Compromisso)
10. Lídice da Mata – PSB/BA (Frente LGBT / Termo de Compromisso)
11. Angela Portela – PT/RR (Frente LGBT)
13. Humberto Costa – PT/PE (Aliado)
14. Lindberg Farias – PT/RJ (Aliado)
15. Eunício de Oliveira – PMDB/CE – (Frente LGBT)
16. Pimentel – PT/CE (Frente LGBT)
17. Marta Suplicy – PT/SP (Aliada)
18. Wellington Dias – PT/PI (Aliado)
19. Aécio Neves – PSDB/MG (Aliado)
20. Ciro Nogueira – PP/PI (Aliado)
21. Rollemberg – PSB/DF (Frente LGBT)
22. Marinor Brito – PSOL/PA (Aliado)
23. Randolfe – PSOL/AP (Aliado)
24. Vanessa Grazziotin – PcdoB/AM (Frente LGBT)
 
E TAMBÉM DENUNCIE! JÁ QUE O NOSSO GOVERNO NÃO TEM CAPACIDADE DE AGIR, EM QUANTO MALAFAIA E CIA PROMOVEM MARCHAR ENORMES PARA RETIRAR DIREITOS COM BRAÇOS DADOS DE SENADORES E DEPUTADOS, NOSSOS DEPUTADOS EM MAIORIA E SENADORES SE OMITEM! ENTÃO MANDEM E-MAILS PARA ONU! O BRASIL É SIGNATÁRIO DO TRATADO QUE DECLAROU INIBIR TODO TIPO DE PRECONCEITO CONTRA LGBTS E ETIGMATIZAÇÃO, TANTO RELIGIOSA, QUANTO QUALQUER OUTRA! SEGUE  
 
UMA SUGESTÃO DE E-MAIL!
     
 
     Por desgracia, estamos viviendo una época de terror aquí en Brasil, nuestro jefe deEstado no tiene capacidad de auto-impuesta ante un grupo de fundamentalistasreligiosos que se manifiesta en público es la promoción de la homofobia y la segregación de las religiones de matriz africana, pedimos la intervención internacionalantes de que se demasiado tarde, que lista los nombres de religiosos y representantesy senadores que han estado promoviendo todo esto la segregación:
 
1. Antonia Lucia PSC AC
2. Henrique Afonso PV AC
3. Sabino Castelo Branco PTB AM
4. Silas Camara PSC AM
5. Fatima Pelaes PMDB AP
6. Erivelton Santana PSC BA
7. Márcio Marinho PRB BA
8. Sergio Brito PDT BA
9. Ronaldo Fonseca PR DF
10. Lauriete PSC ES
11. Manato PDT ES
12. Sueli Vidigal PDT ES
13. Audifax Barcelos PSB ES
14. Dona Iris De Araújo PMDB GO A confirmar reeleito
15. João Campos PSDB GO
16. Cleber Verde PRB MA
17. Zé Vieira PR MA
18. Edvaldo Holanda JR PTC MA
19. Lourival Mendes PT do B MA o
20. Professor Setimo PMDB MA A confirmar reeleito
21. George Hilton PRB MG
22. Gilmar Machado PT MG
23. Leonardo Quintao PMDB MG
24. Lincon Portela PR MG
25. Mario De Oliveira PSC MG
26. Dr. Grilo PSL MG
27. Walter Tosta PMN MG
28. Josue Bengtson PTB PA
29. Zequinha Marinho PSC PA
30. Pastor Eurico PSB PE
31. Anderson Ferreira PR PE t
32. Aguinaldo Ribeiro PP PB A confirmar eleito
33. André Zacharow PMDB PR
34. Delegado Francischini PSDB PR
35. Edmar Arruda PSC PR
36. Takayama PSC PR
37. Andreia Zito PSDB RJ
38. Arolde De Oliveira DEM RJ
40. Dr. Adilson Soares PR RJ

41. Eduardo Cunha PMDB RJ
42. Filipe Pereira PSC RJ
43. Garotinho PR RJ
44. Liliam Sá PR RJ
45. Neilton Mulim PR RJ
46. Vitor Paulo PRB RJ
47. Walney Rocha PTB RJ
48. Aureo PRTB RJ
49. Washington Reis PMDB RJ
50. Lindomar Garçon PV RO
51. Marcos Rogério PDT RO
52. Nilton Capixaba PTB RO
53. Jonathan De Jesus PRB RR
54. Ronaldo Nogueira PTB RS
55. Onyx DEM RS
56. Heleno PRB SE
57. Laercio Oliveira PR SE
58. Roberto De Lucena PV SP
59. Antonio Bulhões PRB SP
60. Bruna Furlan PSDB SP
61. Jefferson Campos PSB SP
62. Jorge Tadeu DEM SP
63. Marcelo Aguiar PSC SP
64. Marco Feliciano PSC SP
65. Missionário José Olimpio PP SP
66. Otoniel Lima PRB SP
67. Pastor Paulo Freire PR SP
68. Newton Lima PT SP
69. Jair Bolsonaro PP RJ
70. Garibaldi Alves Filho – PMDB/RN
71. Gilvam Borges – PMDB/AP
72. Magno Malta – PR/ES
73. Marcelo Crivella – PRB/RJ
74. Flávio Bolsonaro – Deputado Estadual
75. Carlos Bolsonaro – Vereador do RJ
76. Pastor Silas Malafaia – Televangelista
 
Por favor, ayúdenos, ha habido cuatro muertes por homofobia en los últimos tres meses, ya se agradece XXXXXX
 
 
E-mails da ONU

13 Respostas to "“Evangélicos” agem de forma desumana e declaram “GUERRA” a “diferentes”!"

Desolador, não tenho outro adjetivo a usar depois desta leitura.
Em nome de preconceitos milenares, pessoas que se dizem cristãs preferem segui apenas um único versículo que incita o ódio ao ‘diferente’.

Quando o Brasil deu uma guinada à direita, isso em 1964 com a ajuda de todos os setores conservadores do país o resultado foi uma ditadura que durou 21 anos, parece que o Brasil e a sociedade brasileira voltou no tempo estamos em 1964, se decidirmos segui o caminho pela direita teremos consequências imprevisíveis.

Parabéns pelo blog e pelo trabalho, continue firme na luta estou entre aqueles que são honestos por convicção e do mundo da bondade por opção… e que embora tenhamos certeza que as possibilidades de vitória do nosso lado, por enquanto, são poucas, continuamos lutando e semeando as pequenas e frágeis sementes da esperança que um dia possibilitarão a bela e perfumada festa de flores e frutos, de ética e justiça social, Liberté, Egalité, Fraternité !!!!

Definamos homofobia :violência é uma coisa constranger qualquer pessoa por motivos filosoficos é outra.
Esperava isto mesmo dos portestantes
Agora desde quando a BÍblia Sagrado é um livro de crendices ?
CATÓLICO COM MUITO ORGULHO
Contra o pecado (seja de católicos, de quem se diz católico sem ser ou de qualquer pessoas hetero ou não) com muito orgulho !!!
Ps : A virgem Maria e são José livre as famílias católicas de toda opressão gay ou protestante

Bom… Esse é o comentário do meu ponto de vista preconceituoso “esperava isso dos protestantes”, ou seja, vc não gosta dos protestantes e justifica isso agora, usando os gays que também não gosta, só que gosta menos ainda dos protestantes que racharam a igreja católica, sendo que ela é mais preconceituosa que a igreja evangélica, só se manifesta menos, visto que o protestantismo tem ramificações que aceitam a homossexualidade como Anglicanismo.

Igreja com I masiuculo

bem por onde começar evangélico é quem segue o evangelho até quem segue um livro chamado o evangelho segundo o espiritismo ou o Evangelho segundo Jesus Cristo do Saramago
não existe uma igreja evangélica existe uma miriade de 80.000 “igrejas” evangélicas
e não é preconceito
é pós conceito
mataram milhares de católicos ( sei que católicos tb mataram protestantes tipo noite de são Batolomeu) e chutaram uma imagem da virgem Maria
Mãe deles tb
Quer queiram ou não

e parte da igreja católica é preconceituosa mesmo oro muito por eles para que aceitem o amor de Cristo
o Papa por exemplo proibiu gayas de serem SACERDOTES ordenados !!!!
ora que eu saiba padres devem ser abstemios em termos de sexo então tatno faz serem heteros, bi homo ou assexuais
Alias nehuma organização gay que diz defenderr os gayas falaram um a sobre isto
AFF
pq vcs não gastam mais tempo com uma luta justa como esta em vez de fazer um porjeto inconstitucional ou em vez de ficar sugerindo que o rei Davi era gay ?

Quem é mais preconceituoso, católicos ou neopetencostais?
Só falta mesmo o caro Otávio querer reabrir o tribunal do santo ‘ofício’ de matar…

É por essas e outras que sou agnóstico…

Julgar um grupo a partir de princípios pessoais, ou filosóficos, ou mesmo julga-lo a partir da ação de um ou mais semelhantes e colocar todo o resto em um mesmo saco de silêncio. Realmente é algo nojento, por isso concordo com o autor…
Devemos acabar com isso, perseguir estes homofóbicos, criar leis que os obrigue a pensar diferente ou mesmo que os encurralem em suas vidas miseráveis e preconceituosas. Devemos se possível persegui-los pelas ruas, vigar a morte de cada gay ….Força-los a pensar como nós, pessoas instruídas, afinal de conta, eles não nasceram assim, pelo menos os nossos cientistas nunk nos disseram isso, pensando bem é melhor cuidarmos disso… vai que descobrem um gene que causa a doença homofóbica? Aí eles se saíram bem desta história. Mas que são eles ?
Quem são estes “homofóbicos”, rotulados por uma denominação de caráter patológicos, Estes fóbicos da homogeneidade? Não sabemos direito, talvez erremos perseguindo um grupo especifico, mas é melhor erra pelo excesso do que pela falta. Afinal de contas esse evangélicos não pensam mesmo, como podem pensar algo tão absurdo… Se não forem os culpados de tudo isso…. alguma culpa devem ter… cambada de burro…

porque o meu comentário ainda não foi publicado?

Em primeiro lugar sou CONTRA A HOMOFOBIA, A FAVOR DA UNIAO CIVIL HOMOAFETIVA.

Mas, sinceramente acho exagero dizer que todo preconceito e discriminação parte dos “evangélicos” exclusivamente, e generalizando.

Pra todo lado que vc olhar, vai encontrar alguém fazendo piadinhas contra gays, com ou sem religião envolvida.

Acredito que dentro da religião há sim os excessos, mas isso nao condiz com a opinião de todo grupo.

Tenho direito de nao concordar com o homossexualismo, inclusive jamais incentivaria isso a um filho meu. Mas isso nao quer dizer que eu saia agredindo gays pela rua, jamais! Inclusive tenho grande amigo que é gay assumido.

E por que ninguém lembra que A IGREJA CATÓLICA TBEM PREGA CONTRA O HOMOSSEXUALISMO???

Vajamos os neopentecostais tão no “mercado” há 30 40 anos no máximo e já estão disputando com o que há de pior que usavam (injusta e erroneamente) o nome de católicos .
e olhe que este tipo existe há um 1600 anos quando o catolicismo foi liberado(antes os católicos eram mortos por manter sua firme fé de que o pecado é um erro)
Católico de verdade não negocia nem se alias a herejes protestantes nem apoia ditadura gay

e graças a Deus o santo ofício não era matar era manter as pessoas longe do que levavam elas ao inferno
Avareza, amor ao lucro, bebedeira,sodomia ,idolatria

Curiosidade : A congregação para o santo ofício ainda existe sob outro nome

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O Autor

Ativista dos Direitos Humanos (Principalmente LGBTs ); Teólogo;Homeopata; Psicanalista, especialista em Sexualidade Humana, Filosofia, Sociologia;Blogueiro.

Este Blog é protegido por direitos autorais

MyFreeCopyright.com Registered & Protected

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 69 outros seguidores

Psicoterapia Online

Psicoterapia Online

Psicoterapia Online

homofobia-basta@live.com

Me adicione no FacebooK

Curta a comunidade do Blog no Facebook, Clique na Imagem!

Me adicione no Orkut

Me siga no Twitter

Homofobia Basta!

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Quer ajudar o Blog? Faça sua Doação!

Portal Colaborativo Teia Livre

Igreja Progressista de Cristo

Parceiros de causa

Se você realmente ama seus amigos, defenda-os da Homofobia!

Contradições no discurso do Senador Magno Malta

Vítimas da Homofobia

Mais fotos

Estatísticas do Blog

  • 439,530 Pessoas viram esse Blog
%d blogueiros gostam disto: